shutterstock_176638511
Quem tem filhos adolescentes, sabe que as brigas e discussões podem ser muito frequentes no dia a dia. Nesta idade, eles costumam ter opiniões diferentes dos pais, e por isso, é normal não concordarem em muitos assuntos. Existem alguns motivos que são os mais comuns nestes tipos de discussões, e há também formas de evitá-las ou diminuir seus efeitos.

Adolescentes geralmente querem mais liberdade, para que possam ficar até mais tarde na rua, viajar para algum lugar distante com os amigos, e outras razões. Muitos pais não acham que isso seria o melhor para eles, por isso o impedem de realizar tal atividade, o que muitas vezes causa brigas. Uma boa solução pra isso pode ser explicar calmamente os motivos pelo qual você não deixará ele fazer algo. Ele pode não concordar, mas pelo menos desta maneira saberá quais são as suas preocupações.

Mas estas brigas também têm aspectos positivos, pois ensinam seus filhos a lidarem com as emoções. É importante deixar claro que, embora eles não concordem, devem respeitar a sua decisão, assim você ainda poderá aproveitar a situação para impor alguns limites. Durante a vida, ele terá que lidar com diversas situações de raiva e muitas outras discussões, por isso, é importante que ele saiba como agir nestes momentos.

Porém é necessário também que você pare e deixe o seu filho se explicar. Talvez o ponto de vista dele não seja errado, fazendo com que você mude de ideia em relação a algum assunto. Não é apenas porque ele é mais novo que está errado, procure entender quais são os pensamentos dele e verifique se não possui alguma razão.

É importante ainda que você tente não gritar durante alguma discussão, caso contrário só irá piorar a situação. O mais indicado é manter a calma e explicar todos os seus pensamentos para o seu filho, para ele saber como você se sente em relação a um assunto específico.
↑ VOLTAR AO TOPO ↑


↑ VOLTAR AO TOPO ↑