Cavalcanti

Cavalcanti é o nome de uma família italiana (de Florenza) que teve seus princípios em meados do século XVI quando partiu para Portugal e para a Espanha. Este sobrenome é de origem toponímica, ou seja, foi criado para origens da própria família.



As primeiras pessoas a usarem o sobrenome viveram na Itália, e foi o senhor Giovanni Cavalcanti. Ele teve um filho chamado Filipo Cavalvanti, e este foi um dos grandes responsáveis pela expansão do sobrenome da família por toda a Europa. Vejamos um pouco da história de Filipo e, consequentemente desta família.



• Filipo Cavalcanti mudou-se para Portugal por volta de 1558, e mais tarde veio a cruzar o oceano e se estabelecer em Pernambuco, no Brasil. Não chegou a casar-se com a senhora Catarina de Albuquerque, sua companheira (filha bastarda de Jeronimo de Albuquerque e neta de Lopo de Albuquerque Cavalcanti), mas mesmo assim os dois formaram a família De Albuquerque Cavalcanti. O senhor Filipo Cavalcanti deixou muitos descendentes importantes, um total de onze filhos, que se expandiram por toda Europa, construindo riquezas e com muito boa relação com a nobreza.



• A referência documental mais antiga sobre Felipo Cavalcanti está com data de 25 de agosto de 1559, quando o seu pedido de uma cruz com o rei de Portugal (está no arquivo do Estado de Florenza), foi novamente documentado em 1578, escrita em Lisboa, para Baccio Valori, em Florenza. Esta correspondência descreve Felipo Cavalcanti como um homem de grande autoridade e de negócios, especialmente com o açúcar comercial branco produzido aqui no Brasil, em Pernambuco.



• Na mesma correspondência continha os nomes de dois de seus irmãos: Guido Cavalcanti e Stiata. Também filhos de Giovanni Cavalcanti, netos e bisnetos de Lorenzo Mannelli Filippo e Ginevra Cavalcanti (filha e neta de Francesco Mannelli Leonardo). Seu pai, Giovanni recebeu o Brasão da Carta de Armas, aprovado pelo Rei Henry VIII, da Inglaterra, com a descrição: "mais honesto da família Cavalcanti", junto com sua esposa, Ginevra. (Estes são dados do arquivo de Gilson Nazaré e do senhor Dalmiro Buys, que constam em Florenza).



• Em Portugal, Filipo solicitou e obteve um certificado de nobreza, em 1559, que está assinado por Cosimo I de Medici.



Toda esta história mostra que a numerosa família iniciada na Itália, que veio para o Brasil, tem uma grande e nobre história. Aqui o sobrenome variou um pouco, sendo “aportuguesado” em “Cavalcante” e alguns ainda se assinam “Cavalcanti”. Talvez nem todos sejam parentes de sangue, e nem todos sejam parentes de Filipo, mas não deixa de ser uma nobre e grandiosa família.





Outros Nomes: Axel | Júnior | Rafaella | Márcio | Evelyn | Thallyta | Graziela | Carly | Loreta | Melanie |